Procedimentos

Quimioterapia Intra-Arterial

O tratamento dos pacientes oncológicos apresenta uma ampla variedade de combinações possíveis a depender das peculiaridades de cada caso.

A Radiologia Intervencionista desempenha um importante papel junto ao tratamento destes pacientes oferecendo opções terapêuticas inovadoras para o tratamento ativo da doença e também para melhora na qualidade de vida em situações de paliação.

A quimioterapia intra-arterial é uma nova possibilidade oferecida, esta difere da quimioterapia sistêmica convencional porque nesta modalidade o agente quimioterápico é injetado através das veias para percorrer pela circulação até alcançar o tumor a ser tratado, já na quimioterapia intra-arterial o quimioterápico é injetado na artéria que nutre o tumor, e portanto é injetado em altas doses junto a ele, evitando a circulação pelo corpo do medicamento.

Assim, altas concentrações de agentes antineoplásicos na área de infusão tumoral, além do tempo prolongado de exposição às mesmas, propiciam melhores resultados em relação à administração sistêmica das mesmas drogas e com menos efeitos colaterais.

Esta opção de tratamento é atualmente indicada para metástases de tumor de cólon, melenoma.